Minha Área

Salão de festas: sabendo usar…

23 de Setembro de 2015

Publicado em Comportamento por Minha Área | Nenhum comentário

Espaço exige procedimentos adequados para estar sempre disponível e garantir comodidade aos moradores

Se você já usou o salão de festas do seu condomínio, deve considerar que ter esta facilidade é, como dizem, uma “mão na roda”. Afinal, nada melhor do que ter um espaço fora do apartamento para reunir amigos, comemorar um aniversário, fazer um churrasco ou celebrações em geral.Salão_festas_condomínio

E, apesar de todo morador ter direito de usar o salão, é importante lembrar que há regras e procedimentos para que o uso seja bem aproveitado e não cause danos ao empreendimento e nem aos vizinhos.

Tudo deve começar com a reserva, que pode ser feita pessoalmente ou de forma virtual, quando o condomínio oferece ferramentas do tipo. Na maior parte dos empreendimentos, os interessados procuram o zelador e agendam a data escolhida, que precisa estar livre.

Deve ser preenchido um formulário específico e apresentadas as regras de uso e condições nas quais o espaço deverá ser devolvido.

João Malavazi, diretor de condomínios de uma administradora, orienta sobre a necessidade de ser realizada uma vistoria prévia na entrega das chaves. A vistoria mostrará as condições em que o ambiente está sendo entregue ao condômino e ajudará tanto o condômino quando o condomínio na hora da devolução.

“O requisitante deverá assinar um termo de compromisso, onde constará horário em que o barulho é permitido, responsabilidade pela segurança, quebras ou danos. Os reparos são lançados junto às cotas condominiais”, explica.

Dependendo do número de moradores, é possível que o uso do salão seja bastante concorrido, por isso o ideal é agendar assim que você tiver certeza sobre a data. Alguns condomínios pedem um período de antecedência para o agendamento, que fica entre 30 e 60 dias normalmente.

Caso haja dois condôminos que desejem marcar evento no mesmo dia, deve ser obedecida a ordem cronológica de data e horário do pedido de reserva, tendo preferência a primeira solicitação, claro.

Entrega das chaves e devolução

Outra questão importante é com relação ao horário de pegar as chaves e devolvê-las após a festa. A orientação de Malavazi é que a chave deva ser retirada na manhã do dia do uso, normalmente por volta das 9 horas, e devolvida até o mesmo horário do dia seguinte.

Na devolução é realizada a vistoria com a presença do condômino e de um representante do condomínio. Os horários para entrega e devolução das chaves variam de acordo com cada regulamento, por isso é importante combinar previamente.

Com relação à limpeza do salão, normalmente a tarefa fica por conta dos funcionários do condomínio, mas trata-se de uma particularidade a ser tratada em assembleias. Um condomínio que oferece pratos, talheres e copos para uso no salão, por exemplo, normalmente determina que estes itens sejam entregues limpos.

E se algum objeto for danificado durante o evento, pode gerar necessidade de reposição ou até multa de acordo com o regulamento.

Uma administradora de condomínios localizada em São Paulo esclarece que toda a responsabilidade por possíveis danos fica a cargo do locatário. “Se quebrar por acidente, o condômino paga a reposição do que quebrou; se for vandalismo, deve haver multa e a proibição de uso por, geralmente, dois anos”, orienta a empresa.

E como fica a questão do barulho?

Outro ponto que merece atenção é a questão do barulho. Malavazi explica que é necessário haver conscientização dos usuários em relação aos vizinhos.

“Orientamos que seja determinado um horário limite para o uso do salão, o qual poderá ser prolongado com os devidos cuidados, respeitando-se o descanso noturno dos demais moradores e, de preferência, permanecendo-se no interior com as portas fechadas”, diz.

A recomendação é que seja proibida a utilização de aparelhos de som, instrumentos musicais e conversas em volume incompatível com o descanso e bem-estar dos moradores, isso durante qualquer horário, não apenas à noite.

Para tudo dar certo

  • Reserve com antecedência e já se informe sobre as regras de uso.
  • Confira se há móveis e acessórios na quantidade necessária ou se será preciso levar algo extra.
  • Não se esqueça de que deve haver uma pré-vistoria e uma vistoria após o uso.
  • Informe-se previamente sobre os valores, que variam de acordo com cada condomínio, podendo começar em R$ 50,00 e até atingir um percentual do salário mínimo vigente.
  • Verifique se o valor pago pelo uso já cobre o serviço de limpeza, se os funcionários do prédio é que colocarão tudo em ordem ou se você terá que se responsabilizar por devolver o salão da forma como recebeu.


Tags: , ,

Deixe um comentário

Tem de ter a sessão iniciada para publicar um comentário.

Minha Área - 2012 - Todos os direitos reservados.

Hotvia