Minha Área

Economia no banho

4 de Julho de 2015

Publicado em Manutenção por Minha Área | Nenhum comentário

Para gastar menos água, otimizar o seu uso e reduzir a conta mensal, vale comparar chuveiro elétrico e a gás

Quando se trata de tomar um bom banho, daqueles bem quentes e com um bom fluxo de água, o chuveiro a gás normalmente ganha. Porém, em tempos de economia de água – seja por conta dos riscos de racionamento, seja para deixar o bolso mais leve – é sempre válido comparar o uso dos diferentes tipos de chuveiro.

Tanto uma pesquisa da Escola Politécnica da USP quanto um estudo do Cirra (Centro Internacional de Referência em Reuso de Água) já revelaram que o chuveiro elétrico possibilita um consumo médio anual de água menor que os demais sistemas de aquecimento, como os a gás ou os solares.

O estudo do Cirra não apontou apenas uma economia financeira, mas também menor consumo médio de água por ano. Em comparação com o chuveiro elétrico, os outros sistemas gastariam cerca de 200% a mais de água, o que naturalmente pesa no bolso.

Joel dos Santos Oliveira trabalha com vendas de chuveiros há 13 anos e conta que, em treinamentos, os vendedores sempre são aconselhados a oferecer o chuveiro elétrico quando um cliente busca economia.

“Existem três tipos de chuveiros: os elétricos, os a gás – usados na maioria das vezes em apartamentos –, e os que funcionam com aquecimento solar. Estes últimos são uma ótima opção quando o cliente não irá utilizar o boiler, o que no inverno é quase impossível. Por isso indicamos sempre os elétricos, pois sabemos que já existem pesquisas que comprovam o seu baixo consumo de energia e também de água”, explica.

Racionamento gera mudança

Maria Muller mora em um apartamento em São Paulo e seu chuveiro era a gás até um mês atrás. Devido aos riscos de racionamento ela o trocou por um elétrico.

“Toda vez tínhamos que ligar o chuveiro e esperar a água esquentar. Enquanto isso a água ficava escorrendo, o que não faz sentido algum dentro do cenário em que estamos vivendo. Inicialmente, decidi trocar pelo elétrico para evitar este desperdício, mas na compra o vendedor me disse que, além do consumo de água, eu iria economizar nas contas também”, conta.

Uma questão de valores

  •  Quando a pesquisa do Cirra foi realizada um banho de oito minutos custava em média R$ 0,30 no chuveiro elétrico
  •  O mesmo banho nos chuveiros a gás sairia por R$ 0,59, uma variação de 96,6%
  • Quem não pretende trocar o chuveiro a gás, mas gostaria de economizar água pode seguir uma dica da Comgás: escolher aquecedores com regulagem relacionada à vazão da água. A variação é enorme, podendo ir de 4 a 40 litros por minuto

Tags: ,

Deixe um comentário

Tem de ter a sessão iniciada para publicar um comentário.

Minha Área - 2012 - Todos os direitos reservados.

Hotvia